Reading Time: 4 minutes

Mastologia: o que é e como fazer essa especialização

A Mastologia é a especialização médica que estuda, diagnostica, trata e previne as doenças das mamas ou a elas relacionadas, como o câncer de mama, tanto em mulheres, como em homens, promovendo e executando à luz do que dispõe a perícia médica, os meios terapêuticos – cirúrgicos, reparadores e clínicos – necessários.

 

O médico mastologista é popularmente conhecido como o especialista que trata e diagnostica o câncer de mama. Neste texto, vamos exemplificar melhor o que é mastologia e o trabalho desse médico em clínicas de oncologia e mastologia.

 

mastologia
Mastologia é a especialidade que trata doenças nas mamas ou a elas relacionadas. | Foto: Freepik.

O que é mastologia? 

A mastologia é a especificidade médica que cuida das mamas, bem como quaisquer condições ou enfermidades que possam acometê-las, como dor, edema, infecções e, claro, câncer.

 

 

Como é o trabalho de um médico mastologista? 

O mastologista é um especialista bem requisitado, especialmente pelo ramo da oncologia. Isso se deve à alta prevalência do câncer de mama. O profissional recebe pacientes comumente encaminhados por alterações em exames de rastreio, queixas clínicas mamárias, com alto risco de desenvolver câncer de mama ou aqueles que estão em tratamento com oncologistas ou ginecologistas.

 

O mastologista deve ter conhecimentos sobre outras especialidades também, como radiologia, patologia, oncologia e radioterapia.

 

 

Quanto ganha um médico mastologista? 

A mastologia é uma peculiaridade em ascensão. Mas, o mercado de trabalho vem se tornando cada vez mais restrito, pois os setores de radiologia “tomaram” para si a detecção e o diagnóstico de doenças mamárias. Vale dizer que o principal é que essas especialidades atuem juntas para uma melhor espécie de tratamento para o paciente.

 

Após a formação, é comum notar o mastologista trabalhando em plantões de suas áreas de origem para fechar a renda do mês sem ficar no vermelho. Já quem trabalha na rede  particular costuma receber um salário mais justo. No geral, os horários de trabalho costumam ser flexíveis. O especialista pode atuar em hospitais, clínicas particulares e centros de prevenção da saúde da mulher.

 

O mastologista tem também a possibilidade de trabalhar com:

 

Radiologia mamária 

Existe um arsenal de cursos para aconselhar o especialista para laudar exames radiológicos de mama;

 

Oncoplástica 

Há uma tendência grande dessa prática se tornar um processo oficial.

 

 

O Brasil tem 2.500 mastologistas titulados pelo Conselho Federal de Medicina (CFM). Um médico mastologista ganha até R$ 10.024,04.

 

 

Quais são as áreas da mastologia? 

A Mastologia abrange uma vasta superfície de especialidades devido ao tratamento de doenças sistêmicas como o câncer de mama. São elas:

 

  • Oncologia;
  • Radioterapia;
  • Radiologia;
  • Ginecologia;
  • Cirurgia Geral;
  • Cirurgia Plástica;
  • Geneticista;
  • Fisioterapia;
  • Endocrinologia.

 

 

Clínica de oncologia e mastologia: entenda a diferença

Por conta das diferenças e similaridades nas especialidades médicas que cuidam especificamente da saúde da mulher, muitas vezes pode acabar havendo uma confusão sobre qual profissional procurar. Isso acontece, principalmente, nas diferenças no que se trata do oncologista e mastologista.

 

Para ilustrar questões sobre o assunto, confira a o que cada um desses profissionais da medicina faz:

 

Mastologista 

O médico que trata das mamas. Esta especialidade é responsável por todo o tratamento médico da saúde das mamas;

 

Oncologista 

É o profissional da saúde especializado em tratamentos do câncer, doença que pode acometer qualquer parte do corpo humano, por diversas razões e em diferentes níveis.

 

 

Melhores instituições para fazer especialização em mastologia

É fundamental eleger um programa de especialização que faça parte de uma das melhores residências em Mastologia. Afinal, essa etapa é básica na formação do médico. É essencial buscar sobre as instituições que oferecem o melhor curso.

 

Listar as melhores residências em Mastologia pode ser uma responsabilidade difícil, pois não há metodologia única que faça análises e comparações dos programas. Apesar disso, é possível conhecer quais instituições são referências no setor como:

 

  • Liga Baiana desfavoravelmente o Câncer – Hospital Aristides Maltez;
  • Hospital de Base do Distrito Federal;
  • Hospital das Clínicas da UFMG;
  • Instituto Nacional do Câncer INCA – Rio de Janeiro;
  • Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP;
  • Faculdade de Medicina da USP.

 

 

Como é a residência em mastologia? 

A residência médica em mastologia leva dois anos e tem como pré-requisito a formação em ginecologia e obstetrícia ou na cirurgia geral. 

 

A carga horária é de 60h semanais, divididas entre ambulatórios e meio cirúrgico. As outras atividades incluem aulas e discussões de casos, períodos de experimento na patologia, oncologia, cirurgia plástica, radioterapia e radiologia.

 

A residência em mastologia não costuma ter plantões noturnos. Geralmente, as escalas de sobreaviso costumam ser suficientes, o que preserva os finais de semana e as noites dos residentes. 

 

 

Como se preparar para a prova de residência? 

Estudar é a palavra chave. É muito importante se dedicar inteiramente e focar na prova. É difícil, mas não impossível, como qualquer prova. Procure bons cursos e estude muito.

 

Vai fazer prova de residência? Não perca tempo e comece a estudar para o processo seletivo. O Grupo MedCof oferece uma plataforma com um ótimo extensivo para residência, inclusive mastologia. Conheça!

 

 

 

 

Quer ser avisado sempre que um post novo sair? Inscreva-se na nossa newsletter!